Você sabe o que é “auditabilidade”? Essa palavra existe mesmo?

Posted on Posted in ARTIGOS

por Danielle Adão

No último dia 11 de junho, destacamos neste informativo que o Ministério da Fazenda publicou portaria1 que determina a elaboração de um plano de ação a ser apresentado pela Receita Federal do Brasil para aprimorar a “auditabilidade” dos dados e controles da administração tributária e aduaneira. O uso do termo “auditabilidade” nos chamou a atenção e ensejou uma breve pesquisa.

Embora esse termo não conste ainda do dicionário nem do Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa – VOLP, vem sendo vastamente utilizado em nossa língua, motivo pelo qual podemos dizer que é um neologismo. Você sabe o que é isso?

Neologismo é o uso de novas palavras, derivadas ou formadas de outras já existentes, na mesma língua ou não.

A palavra “auditar” já existe no nosso dicionário e significa fazer a auditoria de. “Auditoria”, por sua vez, significa processo de exame e validação de um sistema, atividade ou informação. A partir dessa palavra, criou-se “auditável”, por um processo de derivação que inseriu o sufixo -vel para indicar a possibilidade de praticar ou sofrer a ação de auditar. Ou seja, algo “auditável” é algo que é possível auditar.

A partir dessa nova palavra, criou-se “auditabilidade”, outra derivação, dessa vez com o acréscimo do sufixo -idade – com as devidas adaptações –, a fim de formar um termo que expressasse a ideia de condição do que é “auditável”. Além disso, a palavra também tem origem no termo “auditability”, que é da Língua Inglesa e não tinha correspondente em Língua Portuguesa.

O conceito de “auditabilidade” alude a soluções que promovem confiança na informação. É a qualidade de algo que se pode analisar de maneira metódica e a capacidade de aferir práticas com características explicativas e informações rastreáveis, de modo a ensejar uma análise crítica das informações fornecidas.

Eventualmente, pode ser que alguém confunda o conceito de “auditabilidade” com o de “accountability”. Este, diferentemente daquele termo, não recebeu uma palavra correspondente em português. Utilizamos essa expressão inglesa para nos referir à obrigação que membros e órgãos administrativos têm de prestar contas. Já a palavra “auditabilidade” serve para evidenciar que algo possui a qualidade de ser auditado.

A Língua Portuguesa é dinâmica e precisa se adaptar frequentemente às necessidades linguísticas, especialmente preenchendo eventuais lacunas lexicais. Nesse sentido, é possível que o termo “auditabilidade” passe a fazer parte do nosso dicionário em breve.

1 MINISTÉRIO DA FAZENDA. Receita Federal do Brasil. Portaria nº 279, de 07 de junho de 2018. Diário Oficial da União [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 11 jun. 2018. Seção 1, p. 20.